Madame Grès- Mulher que Inspira
Nascida Germaine Émile Krebs, no ano de 1903, em casa, no 17• Arrondissement, Paris .

Amava a arte da escultura greco-romana . Sonhava em ser escultora. Não conseguiu . Virou-se para a arte da costura. Autodidata dedicou sua vida à criação de roupas que podemos considerar como verdadeiras esculturas . Criações perfeitas , eram praticamente esculpidas no corpo de uma modelo . Suas ferramentas de trabalho , agulhas e tesoura, ficavam sempre coladas ao seu corpo . Baseada nas esculturas e no que vestiam , criou seu famoso drapé e passou a usar o Jersey de seda, por seu caimento perfeito , como seu mármore, onde esculpia obras de arte .
Seus vestidos são atemporais, perfeitos, obras de arte .
Morreu em 1.993, solitária e esquecida pelo mundo da moda .
Mulher forte, de convicções políticas interessantes no mundo da moda e de posturas heroicas durante a segunda guerra mundial , momento que enfrentou com coragem uma Paris invadida pelo nazismo. Não fugiu, não baixou a cabeça , não obedeceu ordens . Só uma grande mulher , de personalidade correta e forte poderia enfrentar . Ela merece ser ressuscitada , reverenciada como a grande dama da alta costura .

Márcia Caldas Vellozo Machado / Consultora de Imagem, Estilo, Moda e Comportamento.
Instagram : mcvm_60

CASA VK

Escrito by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *